Projeto promovido em colégio de Sengés resgata arte circense entre os alunos

Proposta tem como objetivo envolver os estudantes com o cotidiano da vida no circo

Imersas em um mundo cada vez mais tecnológico e cheio de telas, as novas gerações têm, muitas vezes, deixado de lado coisas que fizeram parte da infância de pais e avós. Com a chegada da pandemia da Covid-19, muitas atividades também foram suspensas, fazendo com que os circos ficassem ainda mais longe dos pequenos.

A arte circense faz parte da cultura do brasileiro e por décadas tem encantado e traz alegria para as pessoas. Em maioria, os circos viajam estados e cidades, dos grandes aos pequenos municípios, levando alegria e diversão acessível para muita gente. Pensando nisso, a equipe de um colégio do município de Sengés vem desenvolvendo um projeto para inserir novamente esta magia das lonas no dia a dia de seus alunos.

O resgate da cultura circense vem sendo realizado no Colégio Estadual Lauro Sangreman que faz parte do Núcleo Regional de Educação de Sengés. A ação vem sendo realizada com alunos do 6º ano com a proposta de que os estudantes possam apresentar seus espetáculos vivendo um pouco da magia do circo. São palhaços e piadas, mágicos e, para incluir a tão amada tecnologia, também há as danças e vídeos do Tik Tok.

A organização da escola destacou que a adesão entre os alunos foi empolgante sendo que