Plataformas de streaming lideram entretenimento digital no Brasil

Dados da Comscore relacionam o crescimento de plataformas como Spotify, YouTube e Netflix ao consumo de entretenimento on-line

Ranyelle Andrade/Metrópoles

Souvik Banerjee/Unplash


A popularidade do streaming no Brasil, a cada ano que passa, apresenta números mais robustos que os anteriores. Dados da Comscore mostram que o entretenimento tem um papel importante nesse desempenho: 98% da população digital do país consome programas de televisão, filmes, humor, e, principalmente, música em plataformas como a Spotify, YouTube e Netflix. Em comparação a outras atividades na rede, esse tipo de conteúdo alcança 98% da população digital no Brasil, atrás apenas das categorias de serviços, que inclui os provedores de e-mail, e notícias, mas acima das redes sociais. Ao todo, 16% do tempo que passamos on-line tem sido dedicada a ouvir músicas e assistir vídeos.


O consumo de entretenimento na web também aparece como unanimidade em todas as faixas etárias e gêneros, alcançando quase 100% de audiência. A variação ocorre no tempo de consumo: os mais jovens, entre 18 a 24 anos, dedicam quase o dobro do tempo por pessoa ao entretenimento on-line, o equivalente a 2