Distrito Industrial receberá 14 empresas com previsão de geração de mais de 160 empregos

Concorrência pública vendeu 22 lotes que trarão ao município um investimento de cerca de R$ 3,5 milhões

A quarta concorrência pública realizada pela prefeitura de Ribeirão Claro na última segunda-feira (24) oficializou a venda de 22 lotes do Distrito industrial. Os espaços serão usados por indústrias e prestadores de serviços dos segmentos de marcenaria, guincho, reciclagem, serralheria, cosméticos, tratamento de madeira, material de construção, confecção, artefatos de concreto e vidros temperados.

O distrito industrial foi criado pelo prefeito Geraldo Maurício Araújo (PV) para geração de empregos e renda, atraindo novas empresas ao município, permitindo que negócios locais sejam expandidos e abrindo novos postos de trabalho. Os compradores dos lotes têm um prazo de até 90 dias para iniciarem a construção das unidades industriais, contados após a assinatura do contrato que acontece nas próximas semanas.

O valor total de investimentos pelas empresas vencedoras será de cerca de R$ 3,5 milhões com estimativa de geração de 161 novos empregos. Das 14 empresas, seis estão vindo para o município agora e oito são empreendimentos locais que serão expandidos. Todos os lotes já contam com infraestrutura básica incluindo água, energia elétrica, iluminação pública e rede de esgoto. As ruas receberão o revestimento asfáltico assim que cada unidade industrial estiver conectada às redes de água e esgoto.

Somados aos dados e valores obtidos nas quatro concorrências públicas, serão 17 empresas, 196 novos empregos e R$ 4,5 milhões em investimento. O momento de crescimento registrado no município contrasta com a forte recessão causada pela crise econômica enfrentada pelo país em 2015. Muitos municípios têm encontrado dificuldades para manter os projetos e programas em andamento, pela queda progressiva nos repasses do governo federal.

Em Ribeirão Claro, o prefeito Maurício tem conseguido manter o alto investimento em obras, programas e projetos executados em Ribeirão Claro graças a uma política de austeridade no controle de gastos e responsabilidade fiscal. Graças a essa postura, o município recuperou a confiança dos investidores. “Apesar da crise, muitos empresários estão acreditando na administração pública e estão investindo em Ribeirão Claro”, avaliou o prefeito, Geraldo Maurício Araújo. “A credibilidade que conquistamos e as leis de incentivo estão chamando a atenção de empresários de vários setores”, completou. “Estamos aptos a receber empresas que possam gerar empregos e renda”, concluiu.

Comentários

FONTEDa Assessoria
COMPARTILHE