Zezé Di Camargo passa bem após ser diagnosticado com estafa: ‘Apenas mal-estar’

A assessoria de imprensa do sertanejo informou que ele foi medicado em um hospital de São Paulo

© AGNews

Dono de opiniões polêmicas, Zezé Di Camargo passou mal na última sexta-feira (13) durante a gravação de um comercial e foi levado às pressas para um hospital em São Paulo, onde recebeu cuidados médicos e teve alta no mesmo dia. Procurada pelo Purepeople, a assessoria de imprensa do sertanejo disse que ele teve uma estafa depois de uma semana com a agenda cheia. “Foi apenas um mal-estar, por conta de dias sem dormir. Tivemos uma gravação na Eliana na terça que começou às 10h e terminou no dia seguinte de manhã, logo em seguida eles tiveram show no CTN, gravação… Mas, ele está superbem. Inclusive, cumpriu normalmente a agenda de show do final de semana”, afirmou nesta segunda-feira (16).

CANTOR QUER DIMINUIR NÚMERO DE SHOWS

Zezé, fazendo cerca de 140 shows por ano (três por semana, em média) com Luciano, que já defendeu o jeito explosivo do irmão, deve diminuir o ritmo de trabalho em breve. É que o músico afirmou que pretende diminuir a quantidade de apresentações. “Eu passo por um momento de cansaço, total. Não aguento mais essa coisa de três shows por semana. Para mim, está muito carregado. Não é por causa dos shows. É por causa das viagens. O roteiro mata a gente. As pessoas pensam que um artista chega no palco e tudo bem. Não é. Até chegar ali é uma penitência. Claro que quando você está com 20 e poucos anos, isso é diversão. Mas quando você chega aos 54, como estou, não é mais como era antigamente. Preciso viver. Estou com 54 anos. Com 60, 70 anos, você ainda tem uma qualidade de vida boa. Vou passar a vida inteira trabalhando? Trabalho desde os 12. Não tenho mais condição para isso, não. Tenho que pensar um pouco em mim”, explicou.