70 anos de Ribeirão do Pinhal reúne mais de mil pessoas

Contou com atrações da Banda de Florestópolis, Banda de Jundiaí do Sul, apresentação do Tiro de Guerra 05/004

Apresentação do Tiro de Guerra de Santo Antônio da Platina marcou o evento (Antônio de Picolli / Tribuna do Vale)

Os 70 anos de Ribeirão do Pinhal valeu uma verdadeira festa na manhã de terça-feira, 10. Cerca de mil pessoas estiveram prestigiando a solenidade. O palco montado na praça Erasmo Cordeiro contou com atrações da Banda de Florestópolis, Banda de Jundiaí do Sul, apresentação do Tiro de Guerra 05/004 e distribuição gratuita do bolo de 70 metros.

Para o prefeito Wagner Luiz Martins foi uma satisfação poder fazer parte da história da cidade, que completou agora 70 anos de emancipação. Em seu pronunciamento, agradeceu a todos os munícipes que compareceram para comemorar e os representantes dos deputados convidados, que não puderam comparecer devido ao dia de votação na Assembleia.

O prefeito mais novo do Paraná estava repleto de novidades para a população, aproveitou a oportunidade para fazer o pré-lançamento do projeto 156 (em parceria com a Celepar) – que tem por finalidade criar uma central de ouvidoria para receber as demandas da população. Desta forma, segundo Martins, ficará mais fácil fazer uma gestão de qualidade. “Trata-se de um canal de comunicação entre a população e a administração, onde serão ouvidas as reivindicações, críticas e elogios. Dessa forma teremos acesso direto à opinião dos moradores sobre o funcionamento das secretarias e as prioridades da comunidade”, explicou.

(Antônio de Picolli / Tribuna do Vale)

Martins comenta que o projeto deverá ser implantado no município nos próximos dois meses. De acordo com o gerente geral Leandro Bruno, Ribeirão do Pinhal vai ser a primeira cidade do Norte Pioneiro a aderir a esse sistema de comunicação. Ele explica que o aplicativo da Celepar contribui muito para a gestão, porque existe um mapeamento em tempo real de cada setor. Temos uma parceria com o Governo do Estado há anos e isso funciona muito bem. Em Curitiba já funciona há 20 anos”, explicou.

INVESTIMENTOS

O prefeito anunciou a vinda do recurso de R$ 1,3 milhão para início da pavimentação no loteamento Sílvio Frutuoso, por meio da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Urbano (SEDU) – Paraná Cidade. Para ele é uma grande conquista porque o problema de infraestrutura no bairro já existe há 10 anos e felizmente em sua gestão vai conseguir dar início aos trabalhos proporcionando mais qualidade de vida à população.

Autoridades prestigiaram os 70 anos de Ribeirão do Pinhal (Antônio de Picolli / Tribuna do Vale)

Por meio da SEDU, o prefeito também conseguiu a liberação de R$ 500 mil para aquisição de equipamentos. Martins aponta que o recurso será utilizado na compra de uma pá-carregadeira e uma retroescavadeira. “Estamos promovendo uma gestão participativa, visitado os bairros, criando conselhos e ouvindo as reivindicações, que é muito importante para as decisões de onde vamos destinar os recursos”, pontuou.