Paraná é bicampeão dos Jogos Escolares da Juventude

A competição é considerada a olimpíada escolar nacional e é organizada pelo COB.

Foto: Vinicius Araujo/SEET

O esporte do Paraná sagrou-se bicampeão geral dos Jogos Escolares da Juventude – etapa de 12 a 14 anos, disputada em Curitiba entre os dias 12 e 21 de setembro. A competição é considerada a olimpíada escolar nacional e é organizada pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB). O feito dos jovens paranaenses se confirmou com as últimas medalhas conquistadas pela delegação nas modalidades coletivas, cujas finais foram disputadas nesta quinta-feira (21)

“É uma conquista memorável, que marca a geração desses meninos e meninas”, disse o governador Beto Richa. “Esses jovens atletas têm um futuro promissor e podem ter a certeza de que continuarão a contar com o apoio e o incentivo do Estado”, completou Richa.

Das 13 modalidades em disputa na capital paranaense, a delegação do Estado do Paraná conquistou medalhas em 11 – oito em disputas individuais e três em coletivas. Os atletas conquistaram 32 medalhas de ouro, cinco a mais que o segundo colocado, São Paulo. Para se ter uma ideia do domínio em 2017, os paranaenses conseguiram mais medalhas douradas do que os 3º, 4º e 5º colocados juntos; respectivamente, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Rio de Janeiro.

CRESCIMENTO – O número de medalhas de ouro representa um aumento de 60% se comparado ao título obtido pelos paranaenses na edição de 2016, em João Pessoa (PB). Na ocasião, foram 20 medalhas que garantiram a liderança do quadro. Mas não foi apenas esta estatística que cresceu: se no ano passado o Paraná conquistou um total de 50 medalhas, incluindo as de ouro, prata e bronze, desta vez foram 64, quase 30% a mais do que na edição anterior dos Jogos Escolares da Juventude.

“Lutamos há tempos pelo primeiro lugar geral nesta competição e nos últimos dois anos atingimos o nosso objetivo: o Paraná tem o melhor desporto escolar do país. Uma prova do primoroso trabalho que o Governo do Paraná tem feito com investimentos, ações e muito trabalho em prol do esporte, em todos os níveis”, disse o secretário estadual do Esporte e Turismo Douglas Fabrício.

APOSTA E INVESTIMENTO – Dos 163 atletas convocados ou classificados para defender o Paraná nos Jogos Escolares da Juventude em Curitiba, 53 são bolsistas do PROGRAMA Talento Olímpico Paraná (TOP 2020). Trata-se do maior programa do país de investimento em atletas, considerando o âmbito dos estados. Estes jovens foram responsáveis por 37 das 64 medalhas do Paraná. Impacto maior ainda se forem consideradas apenas as de ouro: dos 32 primeiros lugares, 20 foram de atletas do Talento Olímpico.

15 a 17 ANOS – O próximo desafio serão os Jogos Escolares da Juventude na categoria para alunos-atletas de 15 a 17 anos. A competição vai acontecer em Brasília, entre os dias 16 e 25 de Novembro. A meta será conquistar o título geral, inédito nesta faixa etária. Em 2016, o Paraná foi vice-campeão.